cinema filme

The Imaginarium of Doctor Parnassus

quinta-feira, abril 22, 2010Thabata Lima Arruda


The Imaginarium of Doctor Parnassus (Mundo Imaginário do Doutor Parnassus) é o último filme que o ator Heath Ledger participou antes de morrer. Mesmo com o falecimento de Heath na metade das gravações, o diretor e roteirista Terry Gilliam prosseguiu com o projeto convidando nada mais nada menos que os atores Johnny Depp, Colin Farrell e Jude Law.


Sinopse
Abençoado com o extraordinário dom de guiar a imaginação dos outros, o Doutor Parnassus é amaldiçoado com um sinistro segredo. Jogador inveterado há milhares de anos ele fez uma aposta com o diabo, o Sr. Nick, graças à qual ele obteve a imortalidade. Séculos depois, ao conhecer o seu verdadeiro amor, o Dr. Parnassus fez outra aposta com o diabo, na qual ele trocaria a imortalidade pela juventude, desde que, ao atingir 16 anos, a sua filha se tornasse propriedade do Sr. Nick.
Valentina está prestes a completar 16 anos e o Dr. Parnassus fica desesperado para protegê-la do seu destino iminente. O Sr. Nick chega para cobrar a dívida, mas como não pode deixar passar uma boa aposta, resolve renegociar o prêmio. Agora, o destino de Valentina será decidido por aquele que seduzir as cinco primeiras almas. Seguido por uma série de personagens loucas, cômicas e fascinantes, o Dr. Parnassus promete a mão da sua filha àquele que o ajudar a ganhar a aposta. Nesta luta cativante, explosiva e maravilhosamente imaginativa contra o tempo para salvar a sua filha o Dr. Parnassus deve enfrentar uma série de infinitos obstáculos surrealistas – e desfazer, uma vez por todas, os erros que cometeu no passado!


O filme já estreou na gringa em dezembro do ano passado, mas como estamos no Brasil e estreias aqui são lentas demais, iremos ver Mundo Imaginário de Doutor Parnassus nas telonas somente no dia 7 de maio. 

 

País Reino Unido - Canadá - França
Estréia EUA 25 de dezembro de 2009
Estréia Brasil 7 de maio de 2010
Estúdio Columbia Pictures
Direção Terry Gilliam
Roteiro Terry Gilliam, Charles McKeown

.fonte

Talvez você goste

0 comentários

Digue...

Formulário de contato