comportamento literatura

Literatura: A Professora de Piano

quarta-feira, janeiro 12, 2011Thabata Lima Arruda

A escritora chinesa Janice Y. K. Lee, após incentivo de amigos, resolveu reunir os rascunhos que possuía em seu computador e escrever de vez o seu primeiro romance. Com o título A Professora de Piano, Janice nos leva a uma Hong Kong das décadas de 40 e 50. 


Trudy Liang é um socialite que encanta, não só por sua beleza eurasiana, mas também por suas atitudes, consideradas, às vezes, inapropriadas pelas demais mulheres de sua época. Claire Pendleton é uma inglesa simples, professora de piano, e uma recém-chegada. Ela tenta se adaptar à uma sociedade em que quem faz as regras são os mais ricos.
Will Truesdale era um homem apaixonado antes de estourar a II Guerra Mundial, agora, no pós-guerra, guarda os seus mistérios e atrai Claire para si. 
Claire não sabe, mas está tão próxima de Trudy quanto imagina.

A escritora usou como pano de fundo o estouro da II Guerra Mundial e o pós-guerra. Detalhou como a alta sociedade de Hong Kong, composta por diversas nacionalidades, se comportou diante de uma xenofobia escancarada. Ela também expõe, através de alguns personagens chaves, como um ser humano pode ser perverso, ou nobre, quando a sua vida está em jogo.
A história fica transitando entre o início da década de 40 e de 50, até que os fatos se encontram e os segredos são revelados. O que não quer dizer que possam ser solucionados, e nem que os finais possam ser felizes. 
 



Recomendadíssimo!


Talvez você goste

0 comentários

Digue...

Formulário de contato